Medida da Participação e do Ambiente - Crianças Pequenas (YC-PEM): tradução e adaptação transcultural para o uso no Brasil

Autores

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2238-6149.v30i3p140-149

Palavras-chave:

Criança, Participação Social, Inquéritos e Questionários, Classificação Internacional de Incapacidade, Funcionalidade e Saúde

Resumo

Introdução: A Medida da Participação e do Ambiente - Crianças Pequenas (YC-PEM) é uma ferramenta que avalia a frequência, envolvimento e impacto do ambiente na participação de crianças entre zero e cinco anos de idade, com e sem deficiência, nos ambientes da casa, creche/pré-escola e comunidade. Objetivo: Traduzir e adaptar culturalmente a YC-PEM para o uso no Brasil. Método: O processo foi composto por seis etapas - (1) Tradução do inglês-Norte americano para o português-Brasil; (2) Síntese das traduções; (3) Análise por comitê de especialistas; (4) Entrevista cognitiva com os pais/responsáveis; (5) Retro tradução; (6)
Consolidação da versão final. Resultados: Concomitantemente à tradução, foram necessárias adaptações para facilitar a leitura e interpretação da ferramenta. Houve alteração nas instruções para preenchimento. Alguns itens referentes à participação e ambiente foram alterados e receberam outros exemplos mais adequados ao contexto brasileiro. Conclusão: O processo de tradução e adaptação transcultural da YC-PEM Brasil seguiu uma metodologia
padronizada e se considera que o resultado foi satisfatório, sendo necessária a condução de pesquisas adicionais para a sua validação neste país.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

João Antonio da Silva Filho, Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN)

Programa de Pós-Graduação em Ciências da Reabilitação da Faculdade de Ciências da Saúde do Trairi (FACISA) / Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Santa Cruz, RN, BR.

Ana Paula Martins Cazeiro, Universidade Federal do Ceará (UFC)

Departamento de Terapia Ocupacional da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Rio de Janeiro, RJ; Departamento de Fundamentos da Educação da Universidade Federal do Ceará (UFC), Fortaleza, CE, BR.

Ana Carolina de Campos, Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR)

Departamento de Fisioterapia da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar)

Egmar Longo, Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN)

Curso de Fisioterapia e Programas de Pós-Graduação em Ciências da Reabilitação e Saúde Coletiva da Faculdade de Ciências da Saúde do Trairi, Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Santa Cruz, RN, BR.

Referências

Organização Mundial De Saúde – OMS. Classificação internacional de funcionalidade, incapacidade e saúde (CIF). Portugal: Lisboa; 2004.

Majnemer A. Promoting participation in leisure activities: expanding role for pediatric therapists. Phys Occup Ther Pediatr. 2009;29(1):1-5. doi: https://doi.org/10.1080/01942630802625163.

Law M. Participation in the occupations of everyday life. Am J Occup Ther. 2002;56(6):640-9. doi: https://doi.org/10.5014/ajot.56.6.640.

Coster W, Law M, Bedell G, Khetani M, Cousins M, Teplicky R. Development of the participation and environment measure for children and youth: conceptual basis. Disabil Rehabil. 2012;34(3):238-46. doi: https://doi.org/10.3109/09638288.2011.603017.

Albrecht EC, Khetani MA. Environmental impact on young children’s participation in home based activities. Dev Med Child Neurol. 2017;59(4):388-94. doi: https://doi.org/10.1111/dmcn.13360.

Law M, King G, King S, Kertoy M, Hurley P, Rosenbaum P. Patterns of participation in recreational and leisure activities among children with complex physical disabilities.

Dev Med Child Neurol. 2006;48(5):337-42. doi: https://doi.org/10.1017/S0012162206000740.

Badia M, Longo E, Orgaz BM, Gómez-Vela M. The influence of participation in leisure activities on quality of life in Spanish children and adolescents with cerebral palsy. Res Dev Disabil. 2013;34:2864-71. doi: https://doi.org/10.1016/j.ridd.2013.06.017.

Badia M, Orgaz BM, Gómez-Vela M, Longo E. Environmental needs and facilitators available for children and adolescents with cerebral palsy: adaptation and validation of the European Child Environment Questionnaire (ECEQ) Spanish version. Disabil Rehabil. 2014:1-13. doi: https://doi.org/10.3109/09638288.2013.847124.

Longo E, Badia M, Orgaz M. Patterns and predictors of participation in leisure activities outside of school in children and adolescents with cerebral palsy. Res Dev Disabil.

;34(1):266-75. doi: https://doi.org/10.1016/j.ridd.2012.08.017.

Law MC, Darrah J, Pollock N, Wilson B, Russel DJ, Walter SD, et al. Focus on function: a cluster, randomized controlled trial comparing child- versus context-focused intervention for

young children with cerebral palsy. Dev Med Child Neurol. 2011;53:621-9. doi: https://doi.org/10.1111/j.1469-8749.2011.03962.

Amaral M, Paula RL, Drummond A, Dunn L, Mancini MC. Translation of the Children Helping Out – Responsibilities, Expectations and Supports (CHORES) questionnaire into

Brazilian Portuguese: semantic, idiomatic, conceptual and experiential equivalences and application in normal children and adolescents and in children with cerebral palsy. Rev Bras Fisioter. 2012;16(6):512-22. doi: https://doi.org/10.1590/S1413-35552012000600011.

Furtado SRC, Sampaio RF, Vaz DV, Pinho BAS, Nascimento IO, Mancini MC. Versão brasileira do instrumento de avaliação ambiental Craig Hospital Inventory of Environmental Factors (CHIEF): tradução, adaptação cultural e confiabilidade. Braz J Phys Ther. 2014;18(3). doi: https://doi.org/10.1590/bjpt-rbf.2014.0036.

Khetani MA, Graham JE, Davies PL, Law MC, Simeonsson RJ. psychometric properties of the young children´s participation and environment measure. Arch Phys Med Rehabil. 2014;96(2):307-16. doi: https://doi.org/10.1016/j.apmr.2014.09.031.

Astrom FM, Khetani M, Axelsson AK. Young children’s participation and environment measure: Swedish cultural adaptation. Phys Occup Ther Pediatr. 2017;1(14):1-15. doi:

https://doi.org/10.1080/01942638.2017.1318430.

Jeong Y, Law M, Stratford P, Dematteo C, Kim H. Measuring Participation of Children and Environmental Factors at Home, School, and in Community: Construct Validation of the Korean PEM-CY. Phys Occup Ther Pediatr. 2017;7:1-13. doi: https://doi.org/10.1080/01942638.2017.1280870.

Galvão ERVP, Cazeiro APM, de Campos AC, Longo E. Medida de Participação e do Ambiente – Crianças e Jovens (PEM-CY): adaptação transcultural para o uso no Brasil. Rev Ter Ocup Univ São Paulo. 2018;29(3):237-45. doi: https://doi.org/10.11606/issn.2238-6149.v29i3p237-245.

Beaton DE, Bombardier C, Guillemin F, Ferraz MB. Guidelines for the process of cross-cultural adaptation of self-report measure. Spine. 2000;25(4):3186-91. doi: https://doi.org/10.1097/00007632-200012150-00014.

Paulo RM, Albuquerque PB, Bull R. A entrevista cognitiva melhorada: pressupostos teóricos, investigação e aplicação. Rev Psicol. 2014;28(2):21-30.

Arthur JP, Mantovani MF, Ferraz MIR, Mattei AT, Kalinke LP, Corpolato RC. Tradução e Adaptação Transcultural da Hipertension Knowledge-Level Scale para uso no Brasil. Rev Latino-Am Enfermagem. 2018;16(e3073). doi: https://doi.org/10.1590/1518-8345.2832.3073.

Coster W, Bedell J, Law M, Khetani MA, Teplicky R, Liljenquist K, Gleason K, Kao Y. Psychometric evaluation of the Participation an Environment Measure for Children and Youth (PEM-CY). Dev Med Child Neurol. 2011;53(11):1030-7. doi: https://doi.org/10.1111/j.1469-8749.2011.04094.x.

Lim CY, Law M, Khetani M, Pollock N, Rosenbaum P. Establishing the Cultural Equivalence of the Young Children’s Participation and Environment Measure (YC-PEM) for Use in Singapore. Phys Occup Ther Pediatr. 2016;36 (4):422-39. doi: https://doi.org/10.3109/01942638.2015.1101044.

Downloads

Publicado

2019-11-18

Como Citar

Silva Filho, J. A. da, Cazeiro, A. P. M., Campos, A. C. de, & Longo, E. (2019). Medida da Participação e do Ambiente - Crianças Pequenas (YC-PEM): tradução e adaptação transcultural para o uso no Brasil. Revista De Terapia Ocupacional Da Universidade De São Paulo, 30(3), 140-149. https://doi.org/10.11606/issn.2238-6149.v30i3p140-149

Edição

Seção

Artigo Original