A gestão da comunicação no processo de racionalização do trabalho: os ditames de relações públicas no Brasil e na França (anos 1930-1960)

Autores

  • Claudia Nociolini Rebechi Universidade Estadual de Londrina. Departamento de Comunicação, no Centro de Educação, Comunicação e Artes

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2238-2593.organicom.2015.139291

Palavras-chave:

Gestão da comunicação. Racionalização do trabalho. Prescrições de relações públicas. Brasil. França.

Resumo

Este artigo apresenta uma breve exposição da pesquisa de doutorado da autora, constituída por uma ampla investigaçãoem arquivos brasileiros e franceses e realizada com o principal propósito de identificar e analisar as prescrições de relaçõespúblicas em diálogo com o discurso da racionalização do trabalho, difundido entre os anos 1930-1960. Sobretudo, a pesquisatrata dos ditames que nortearam a gestão da comunicação nas relações de trabalho em organizações na primeira metadedo século XX. Naquele período, as formas de gerir o trabalho nas sociedades capitalistas foram orientadas pelos princípiosdo ideário taylorista/fordista e da Escola das Relações Humanas. Neste contexto de racionalização do trabalho, os ditamesde gestão da comunicação em organizações foram influenciados por esses mesmos princípios, produzindo prescrições queprocuravam mediar as relações de trabalho.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Claudia Nociolini Rebechi, Universidade Estadual de Londrina. Departamento de Comunicação, no Centro de Educação, Comunicação e Artes

Doutora e mestre em Ciências da Comunicação pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-SP). Especialista em Gestão Estratégica em Comunicação Organizacional e Relações Públicas pela ECA-USP. Graduada em Comunicação Social – Relações Públicas pela Universidade Estadual Paulista “Jú lio de Mesquita Filho” (Unesp). Pesquisadora do Centro de Pesquisa em Comunicação e Trabalho (CNPq/ECA-USP). Professora do Departamento de Comunicação, no Centro de Educação, Comunicação e Artes (Ceca) da Universidade Estadual de Londrina (UEL).

Downloads

Publicado

2015-12-14

Como Citar

REBECHI, C. N. A gestão da comunicação no processo de racionalização do trabalho: os ditames de relações públicas no Brasil e na França (anos 1930-1960). Organicom, [S. l.], v. 12, n. 23, p. 15-27, 2015. DOI: 10.11606/issn.2238-2593.organicom.2015.139291. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/organicom/article/view/139291. Acesso em: 4 mar. 2024.