Elemento detetivesco: aproximações entre Sophie Calle e Walter Benjamin

  • Stela Politano Universidade Estadual de Campinas
Palavras-chave: Walter Benjamin, Sophie Calle, Arte contemporânea, Fotografia

Resumo

O objetivo deste ensaio é analisar o trabalho Suite Vénitienne (1981), da artista Sophie Calle (1953), e contrapô-lo a alguns mecanismos estéticos de Walter Benjamin (1892-1940), tais como: conceito de experiência, arte de narrar, fotografia como técnica política e modificadora do sujeito, conceito de fragmento e mimese. O texto é resultado de um exercício inicial de reflexão.

Referências

BAUDELAIRE, C. As flores do mal. Edição bilíngue. Trad. Ivan Junqueira. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1985.
BAUDRILLARD, J. Please follow me. In: CALLE, S. Suite Vénitienne. Paris: Éditions de l’Étoile – Cathiers du cinema 9 passage de la Boule Blanche, 1988, p.75-87.
BENJAMIN, W. Obras escolhidas – Volume 1. Magia e técnica, arte e política: ensaios sobre literatura e história da cultura. 3. ed. São Paulo: Editora Brasilense, 1987.
BURGER, P. Teoria da vanguarda. São Paulo: Cosac Naify, 2008.
CAIMI, C. L.; OLIVEIRA, R. P. de (Orgs). Sobre alguns temas em Walter Benjamin. Porto Alegre: Editora UniRitter, 2015.
CALLE, S. M’as-tu vue Paris. Paris: Center Georges Pompidou/Édition Xavier, 2003.
_________. Suite Vénitienne. Paris: Éditions de l’Étoile – Cahiers du cinema 9 passage de la Boule Blanche, 1988.
DUBOIS, P. Cinema, vídeo, Godard. Trad. Mateus Araújo Silva. São Paulo: Cosac Naify, 2004.
PALHARES, T. H. P. Aura: a crise da arte em Walter Benjamin. 1. ed. São Paulo: Editora Barracuda, 2006.
Publicado
2018-12-20
Como Citar
Politano, S. (2018). Elemento detetivesco: aproximações entre Sophie Calle e Walter Benjamin. Primeiros Escritos, (9), 157-188. https://doi.org/10.11606/issn.2594-5920.primeirosescritos.2018.153053
Edição
Seção
Artigos