AS TRANSFORMAÇÕES DO CONHECIMENTO NO PROCESSO DE INOVAÇÃO: UM ESTUDO MULTICASOS NO DESENVOLVIMENTO DA TECNOLOGIA FLEX FUEL NO BRASIL

  • Wilian Gatti Junior University of Calgary, Calgary, AB, Canada
  • Abraham Yu Universidade de São Paulo, São Paulo, SP, Brasil

Abstract

Este artigo tem como objetivo entender a transformação do conhecimento organizacional, a partir do processo de inovação. Para isso, investiga o desenvolvimento da tecnologia flex fuel no contexto brasileiro de três fornecedores de sistemas (sistemistas) para a indústria automobilística. Metodologicamente este artigo se apoiou em entrevistas feitas para os três estudos de caso: Bosch, Magneti Marelli e Delphi. Os projetos foram divididos em três fases (pré-desenvolvimento, desenvolvimento e pós-desenvolvimento) e o conhecimento classificado de duas formas: tácito e explícito, que interagem para formar o conhecimento organizacional por meio da socialização, externalização, combinação e internalização (modelo SECI). A pesquisa concluiu que as interações entre os tipos de conhecimento ocorrem de modo distinto em cada uma das fases do projeto, dependem da forma como ele é gerido (formal ou informalmente). No pré-desenvolvimento observou-se com mais intensidade o conhecimento tácito (socialização e internalização). Na fase de desenvolvimento, um projeto conduzido de modo formal emprega o conhecimento tácito e o conhecimento explícito. Já um projeto informal se concentra na construção do conhecimento tácito (socialização e internalização). Na última fase do projeto, o pós-desenvolvimento, a organização aprende por meio do conhecimento tácito (socialização) e pelo conhecimento explícito (combinação).

Downloads

Download data is not yet available.
Published
2017-12-11
How to Cite
Gatti Junior, W., & Yu, A. (2017). AS TRANSFORMAÇÕES DO CONHECIMENTO NO PROCESSO DE INOVAÇÃO: UM ESTUDO MULTICASOS NO DESENVOLVIMENTO DA TECNOLOGIA FLEX FUEL NO BRASIL. REGE Revista De Gestão, 24(3), 256-267. Retrieved from https://www.revistas.usp.br/rege/article/view/135324
Section
Administração de Ciência e Tecnologia