Tornar visível o invisível: a aprendizagem escolar da leitura como um problema de percepção e de esquecimento

Autores

  • Patrícia Aparecida do Amparo Universidade de São Paulo. Faculdade de Educação

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2316-9036.i137p59-72

Palavras-chave:

Práticas de leitura, Aprendizagem, Ensino médio

Resumo

A partir da percepção e do esquecimento como metáforas, o ensaio tem como objetivo discutir a aprendizagem da leitura escolar, considerando que, para além de indícios de práticas, trata-se de um problema de reconhecimento da aprendizagem pelos sujeitos. As condições da aprendizagem parecem transitar por caminho que conduz a uma reflexão dos quadros do que é concebível – como algo a ser legitimamente ensinado e aprendido – e dos processos de esquecimento das práticas e representações não desejadas. Para tanto, dialoga com as formulações de Bernard Lahire e com estudantes do ensino médio, buscando configurar um ponto de vista que articula reflexões sociológicas, didáticas e experiências pessoais. O ensaio aposta na ideia de que tornar visíveis referências de leitura invisíveis no espaço escolar seria caminho promissor para a ampliação da compreensão do que se pode aprender nas instituições educativas.

Downloads

Os dados de download ainda não estão disponíveis.

Biografia do Autor

  • Patrícia Aparecida do Amparo, Universidade de São Paulo. Faculdade de Educação

    Professora do Departamento de Metodologia de Ensino e Educação Comparada (EDM) da Faculdade de Educação da USP

Referências

AMÂNDIO, S. “Entrevista com Bernard Lahire: do homem plural ao mundo plural”. Análise Social, XLVII (202), 2012.

AMÂNDIO, S. “O fio constitutivo da sociologia empírica de Bernard Lahire”. Sociologia, Programas e Práticas (on-line), n. 76, 2014.

AMPARO, P. A. do. Práticas de leitura em conflito no cotidiano escolar. Curitiba, Appris, 2021.

ARBEX, M. Sobrevivências da imagem na escrita: Michel Butor e as artes. Belo Horizonte, Relicário, 2020.

AZANHA, J. M. P. “Cultura escolar brasileira: um programa de pesquisas”. Revista USP, n. 8. São Paulo, 1990/1991, pp. 65-9.

BOURDIEU, P.; PASSERON, J. A reprodução: elementos para uma teoria do sistema de ensino. Petrópolis, Vozes, 2014.

CATANI, D. B. “Por uma pedagogia da pesquisa educacional e da formação de professores na universidade”. Educar em Revista, vol. 37. Curitiba, 2010, pp. 77-92.

CATANI, D. B.; AMPARO, P. A. do; CÂNDIDO, R. M. “Um menino fala de afetos, fala da escola, dos professores, dos médicos e dos psicólogos: refletir com o livro ‘Quando tinha cinco anos eu me matei’, de Howard Buten”. Cadernos de Pesquisa, vol. 28, n. 4. São Luís, 2021, pp. 509-28.

JULIA, D. “A cultura escolar como objeto histórico”. Revista Brasileira de História da Educação, n. 1. Campinas, 2001, pp. 9-43.

LAHIRE, B. La raison scolaire: école et pratiques d’écriture, entre savoir et pouvoir. Rennes, Presses Universitaires de Rennes, 2008.

LAHIRE, B. Sucesso escolar nos meios populares: as razões do improvável. São Paulo, Ática, 2004.

NOT, L. As pedagogias do conhecimento. São Paulo, Difel, 1981.

PEREIRA, L. A escola numa área metropolitana. 2ª ed. São Paulo, Pioneira, 1976.

SILVA, O. V. da; BERNAVA AGUILLAR, C. M. “Considerações sobre a história da forma escolar e a pedagogização das relações sociais”. Revista Educação, Pesquisa e Inclusão, vol. 1. Boa Vista, 2020, pp. 131-44.

SONNET, M. “Uma filha para educar”, in G. Duby; M. Perrot. História das mulheres no Ocidente. Porto, Afrontamento, 1994.

VINCENT, G. L’école primaire française: étude sociologique. Lyon, Presses Universitaires de Lyon, 1980.

VINCENT, G.; LAHIRE, B.; THIN, D. “Sobre a história e a teoria da forma escolar”. Educaçãoem Revista, n. 33. Belo Horizonte, 2001, pp. 7-47.

Downloads

Publicado

2023-07-24

Edição

Seção

Dossiê Vida escolar

Como Citar

AMPARO, Patrícia Aparecida do. Tornar visível o invisível: a aprendizagem escolar da leitura como um problema de percepção e de esquecimento. Revista USP, São Paulo, Brasil, n. 137, p. 59–72, 2023. DOI: 10.11606/issn.2316-9036.i137p59-72. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/revusp/article/view/214189.. Acesso em: 29 maio. 2024.