Pedro Paulo de Melo Saraiva: arquitetura moderna e edifício público em Brasília, 1960-2010

Autores

DOI:

https://doi.org/10.11606/1984-4506.risco.2022.194341

Palavras-chave:

Pedro Paulo de Melo Saraiva, Brasília, Arquitetura Moderna

Resumo

Recorrentemente abordada pelo seu pragmatismo e pela filiação de suas estruturas à Escola Paulista Brutalista, a arquitetura de Pedro Paulo de Melo Saraiva (1933-2016) constitui contribuição ampla, original e significativa à arquitetura moderna brasileira.  Situando-a no entrecruzamento entre arquitetura moderna, Estado, Brasília e projeto, o artigo analisa três prédios projetados pelo arquiteto em três momentos da vida brasileira e brasiliense: o edifício-sede da CNI (1962), a Escola de Administração Fazendária (1973) e o edifício-sede do Confea (1999).  Assim considerados enquanto signos da sociedade brasileira e de seu processo de modernização no segundo pós-guerra, tais projetos revelam atributos de que Brasília e a metrópole contemporânea mais necessitam: representar aquilo que é público e democrático.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ugo Andreata Galimbertti, Universidade Estadual de Maringá

Possui graduação em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Estadual de Maringá (2016) e mestrado pelo Programa Associado de Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo UEM/UEL (2019) na linha de pesquisa de Historiografia e Metodologia de Organização de Dados para Projeto, com dissertação intitulada "Pedro Paulo de Melo Saraiva: Projeto e Contexto em Brasília". Atualmente, é doutorando pelo mesmo programa pela linha de pesquisa "referências projetuais: história, modelos e ideias"

André Augusto de Almeida Alves, Universidade Estadual de Maringá

Arquiteto e urbanista (FAUUSP, 1999), Mestre (FAUUSP, 2003) e Doutor em Arquitetura e Urbanismo (FAUUSP, 2008). Professor associado do DAUUEM. Membro do corpo docente permanente do Programa de Pós-Graduação Associado em Arquitetura e Urbanismo UEM/UEL. Desenvolve e orienta pesquisas sobre Arquitetura Moderna Brasileira.

Referências

ALVES, A. B. C. G. Incêndio em Edificações: a questão do escape em prédios altos em Brasília (DF). 2005. Dissertação (Mestrado em Arquitetura e Urbanismo) – Universidade de Brasília, Brasília, 2005.

ALVIM, A. T. B.; ABASCAL, E. H. S.; ABRUNHOSA, E. C. (org.). Arquitetura Mackenzie 100 Anos. FAU-Mackenzie 70 Anos: Pioneirismo e Atualidade. São Paulo: Editora Mackenzie, 2017.

CAVALCANTE, N. Ceplan: 50 anos em 5 tempos. 2015. Tese (Doutorado em Arquitetura e Urbanismo) – Universidade de Brasília, Brasília, 2015.

CORBISIER, R. Brasília e o desenvolvimento nacional. In: XAVIER, A.; KATINSKY, J. (org.). Brasília: Antologia Crítica. São Paulo: Cosac Naify, 2012. p. 72-78.

CURTIS, W. J. R. Arquitetura moderna desde 1900. 3. ed. Porto Alegre: Bookman, 2008.

ESPALLARGAS GIMENEZ, L. Pedro Paulo de Melo Saraiva: Arquiteto. São Paulo: Romano Guerra, 2016.

FICHER. S.; SCHLEE, A. Guia de Obras de Oscar Niemeyer: Brasília 50 anos. Brasília: Instituto dos Arquitetos do Brasil: Câmara dos Deputados, 2010.

FRAMPTON, K. História crítica da arquitetura moderna. 1ª ed. São Paulo: Martins Fontes, 1997.

GERKEN, F. de S. Perfis tubulares: aspectos arquitetônicos e estruturais. 2003. Dissertação (Mestrado em Engenharia Civil) – Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto, 2003.

GOMES, D. C. da S. Espaço e ensino de arquitetura no Brasil e Portugal: um edifício para o curso de arquitetura de Santos. 2017. Dissertação (Mestrado Integrado em Arquitetura) - Universidade de Coimbra, Coimbra, 2017.

KATINSKY, J. R. Brasília em três tempos: a arquitetura de Oscar Niemeyer na capital. 1ª ed. Rio de Janeiro: Revan, 1991.

MALRAUX, A. Brasília, capital da esperança. In: XAVIER, A.; KATINSKY, J. (org.). Brasília: Antologia Crítica. São Paulo: Cosac Naify, 2012. p. 53-57.

MATTELART, A. La mundialización de la comunicación. Barcelona: Paidós Ibérica, 1998.

MENDONÇA, F. M. Pedro Paulo de Melo Saraiva: 50 anos de arquitetura. 2006. Dissertação (Mestrado em Arquitetura e Urbanismo) - Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo, 2006.

PALAZZO, P. P; PEIXOTO, E. R. Repertórios da Arquitetura Recente em Brasília. In: X Seminário Docomomo Brasil, 2013, Curitiba. Anais [...], Curitiba: PUCPR, 2013.

ROBINSON, J. H.; FOELL, J. H. Growth, efficiency and modernism. 1ª ed. Washington, D.C.: U.S. General Services Administration, 2003.

ROSSETTI, E. P. Arquiteturas de Brasília. 1ª ed. Brasília: Instituto Terceiro Setor, 2012. 10 v.

SARAIVA, P. P. M, et al. Depoimentos sobre Oscar Niemeyer. Arquitetura e Urbanismo, São Paulo, ed.226, 2012. Disponível em: <http://au17.pini.com.br/arquitetura-urbanismo/226/arti go275 981-1.aspx>. Acesso em: jan. 2018.

SANTOS, M. Brasília e o subdesenvolvimento brasileiro. In: XAVIER, A.; KATINSKY, J. (org.). Brasília: Antologia Crítica. São Paulo: Cosac Naify, 2012. p. 125-135.

SEGAWA, H. Arquiteturas no Brasil: 1900 – 1990. 3ª ed. São Paulo: Edusp, 2010.

SERAPIÃO, F. Pedra Grande, um marco oculto na cidade. Projeto Design, São Paulo, n.303, p.94, mai. 2005.

SCULLY JR. V. Arquitetura moderna: a arquitetura da democracia. 1ª ed. São Paulo: Cosac & Naify, 2002.

VASCONCELLOS, G. A. S. F. A arquitetura de Pedro Paulo de Melo Saraiva: 1954 a 1975 e o edifício 5ª Avenida. 2012. Dissertação (Mestrado em Arquitetura e Urbanismo) - Universidade São Judas Tadeu, São Paulo, 2012.

VELOSO FILHO, R. N. Arquitetos Paulistas e os Concursos Nacionais de Arquitetura de 1990 a 2010. 2014. Tese (Doutorado em Arquitetura e Urbanismo) – Universidade de Brasília, Brasília, 2014.

WEDDIGEN, T. Die Moderne in Brasilien. Zürich: Kunsthistorisches Institut, 2013.

XAVIER, A.; KATINSKY, J. (org.). Brasília: Antologia Crítica. São Paulo: Cosac Naify, 2012.

Downloads

Publicado

2022-09-20

Como Citar

Andreata Galimbertti, U., & Augusto de Almeida Alves, A. . (2022). Pedro Paulo de Melo Saraiva: arquitetura moderna e edifício público em Brasília, 1960-2010. Risco Revista De Pesquisa Em Arquitetura E Urbanismo (Online), 20, 1-20. https://doi.org/10.11606/1984-4506.risco.2022.194341

Edição

Seção

Artigos e Ensaios