Recorriendo la ciudad amnésica

Autores

  • Lourdes Martínez

DOI:

https://doi.org/10.11606/1984-4506.risco.2022.200064

Palavras-chave:

Francesco Careri, Surrealismo, Deriva

Resumo

O artigo faz uma análise crítica sobre o livro Walks-
capes: Walking as an Aesthetic Practice, publicado pela edi-
tora Gustavo Gili, no ano de 2002, primeira edição bilíngue

(inglês e espanhol), de autoria do arquiteto italiano Francesco
Careri. Por trás do questionamento que fazemos desta obra
está o desejo manifesto de denunciar o que consideramos

tentativas flagrantes de diluir o conteúdo radical do surrea-
lismo ou da Internacional Situacionista e resgatar suas expe-
riências de certas práticas artísticas atuais que afirmam ter

uma vocação política.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

Francesco Careri, Walkscapes. El andar como práctica estética, Gustavo Gili, Barcelona, 2002.

Publicado

2022-07-14

Como Citar

Martínez, L. (2022). Recorriendo la ciudad amnésica. Risco Revista De Pesquisa Em Arquitetura E Urbanismo (Online), 20, 69-78. https://doi.org/10.11606/1984-4506.risco.2022.200064

Edição

Seção

Artigos e Ensaios