Uso de tecnologias da informação e comunicação na educação em saúde. Problematização e desenvolvimento

Autores

  • Juan Stuardo Yazlle Rocha Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2176-7262.v48i3p214-223

Palavras-chave:

Conhecimento. Educação em Saúde. Aprendizado. Ensino.

Resumo

É discutido o impacto das tecnologias da informação e comunicação na produção e distribuição de conhecimentos, na cultura e no ensino. A grande disponibilidade de informações, documentos e cursos gratuitos em todas as áreas e na saúde em particular impacta a educação. A emergência de novas demandas de formação e qualificação de profissionais que devem ser atendi-das representam novos desafios à forma de ensinar. Há crescimento das inte-rações entre alunos, docentes, conteúdos e os ambientes de atuação que re-querem do apoio de teorias explicativas acerca do aprendizado “online”. Diri-gentes acadêmicos reconhecem a importância das transformações e procuram promover novas estratégias educacionais. As ferramentas para a educação online estão presentes e são muito difundidas, mas há falta de preparação e treinamento dos docentes. Instituições de ensino nas ciências da saúde devem investir na preparação de recursos humanos além da infraestrutura tecnológica.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Juan Stuardo Yazlle Rocha, Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto

Professor Titular Senior. Departamento de Medicina Social da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto - USP.

Downloads

Publicado

2015-06-08

Como Citar

1.
Rocha JSY. Uso de tecnologias da informação e comunicação na educação em saúde. Problematização e desenvolvimento. Medicina (Ribeirão Preto) [Internet]. 8 de junho de 2015 [citado 21 de janeiro de 2022];48(3):214-23. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/rmrp/article/view/104297

Edição

Seção

Capítulos
Bookmark and Share