Perfil dos pacientes obesos no primeiro atendimento em Ambulatório de Nutrologia Municipal de Ribeirão Preto (SP)

Autores

  • Ana Célia Beltran de Souza Prefeitura de Ribeirão Preto-SP
  • José Eduardo Dutra de Oliveira Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto
  • Edilson Carlos Caritá Universidade de Ribeirão Preto. Centro de Ciências Exatas, Naturais e Tecnológicas
  • Carlos Alberto Nogueira-de-Almeida Universidade Federal de São Carlos

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2176-7262.v50i4p207-215

Palavras-chave:

Obesidade. Índice de Massa Corporal. Doença Crônica. Diabetes Melitus.

Resumo

Objetivo: levantar o perfil dos pacientes com diagnóstico de obesidade, no primeiro atendimento no Ambulatório de Nutrologia Municipal de Ribeirão Preto -SP, de outubro de 2008 a dezembro de 2013. Método: trata-se de um estudo transversal, retrospectivo e descritivo, com levantamento dos dados de prontuários dos pacientes com diagnóstico de obesidade. Resultados: total de pacientes 1386, sendo 71,7% do sexo feminino e 28,3% masculino; 8,0% crianças, 19,8% adolescentes, 63,7% adultos e 8,5% idosos que, respectivamente, têm Hipertensão Arterial Sistêmica, 0,9%, 3,6%, 49,9% e 83,9%; Diabetes Mellitus tipo 2, 0%, 0%, 19,3% e 47,5%; Dislipidemia 83,8%, 81,1%, 33,3% e 39,8%; não utilizavam medicamentos 83,3%, 69,8%, 21,4% e 5,1%; e usavam 5 ou mais medicamentos, 0%, 0%, 17,5% e 51,7%; não consumiam refrigerante, 4,5%, 6,5%,13,6% e 16,1% e consumiam diariamente 41,4%, 40,7%, 33,7% e 19,5%; não praticavam atividade física, 41,4%, 41,4%,78% e 78% e praticavam 5 a 7x/semana, 1,8%,10,2%, 8,1% e 4,2%; consumiam álcool, 0%, 5,5%, 38,8% e 23,7%; eram tabagistas, 0%, 1,1%, 11,9% e 0,8% e pararam de fumar 0%, 0%, 16,9% e 30,5%. Dos adultos 12,5% eram obesos grau I e dos idosos, 15,3% e, respectivamente, grau II, 21,3% e 20,3% e grau III, 66,2% e 64,4%. Conclusão: houve maior procura do sexo feminino pelo serviço, prevalência elevada de comorbidades e hábitos potencialmente modificáveis que podem ser relevantes tanto na prevenção quanto no tratamento da obesidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ana Célia Beltran de Souza, Prefeitura de Ribeirão Preto-SP

Médica, Mestre em Saúde e Educação pela Universidade de Ribeirão Preto (Unaerp) e médica da Prefeitura de Ribeirão Preto-SP.

José Eduardo Dutra de Oliveira, Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto

Médico, Doutor em Fisiologia e em Nutrologia, pela FMRPUSP. Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP-USP).

Edilson Carlos Caritá, Universidade de Ribeirão Preto. Centro de Ciências Exatas, Naturais e Tecnológicas

Doutor, Docente do Centro de Ciências Exatas, Naturais e Tecnológicas da Universidade de Ribeirão Preto (Unaerp).

Carlos Alberto Nogueira-de-Almeida, Universidade Federal de São Carlos

Médico, Doutor em Pediatria pela USP, Professor da Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR), São Carlos, SP.

Downloads

Publicado

2017-08-09

Como Citar

1.
Souza ACB de, Oliveira JED de, Caritá EC, Nogueira-de-Almeida CA. Perfil dos pacientes obesos no primeiro atendimento em Ambulatório de Nutrologia Municipal de Ribeirão Preto (SP). Medicina (Ribeirão Preto) [Internet]. 9 de agosto de 2017 [citado 16 de outubro de 2021];50(4):207-15. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/rmrp/article/view/140479

Edição

Seção

Artigo Original
Bookmark and Share

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)