Eventos adversos pós-vacinais em pacientes imunizados contra a COVID-19 em um município do sul de Santa Catarina no ano de 2021

Autores

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2176-7262.rmrp.2023.203651

Palavras-chave:

Infecções por coronavírus, Vacinação, Efeitos colaterais e Reações adversas relacionados a medicamentos

Resumo

A disponibilização em massa de vacinas contra o vírus SARS-CoV-2 é resultado de esforços científicos mundiais. Entretanto, a insegurança e a hesitação popular per-meiam os movimentos antivacinais. Objetivo: Analisar o perfil dos Eventos Adver-sos Pós-Vacinais (EAPV) na cidade de Tubarão-SC no ano de 2021. Metodologia: Estudo epidemiológico transversal com dados de todas as fichas de notificação padrão de EAPV no município de Tubarão em 2021. As variáveis analisadas foram o perfil epidemiológico do paciente, imunobiológico administrado, o tipo de evento e a evolução do caso. Calculou-se a taxa de incidência (TI) para 10 mil doses apli-cadas. Resultados: A população em estudo foi de 274 pacientes, sendo 73% do sexo feminino, com média das idades de 39,8±14,5 anos. Foram aplicadas 197.001 doses no ano de 2021, o que resultou em uma TI geral de EAPV de 13,9. Houve 206 reações notificadas em pacientes imunizados com a AstraZeneca (TI=29,1), 43 com a Pfizer (TI=5,1), 18 com a Coronavac (TI=4,8) e sete com a Janssen (TI=13,8). Houve apenas sete casos classificados como graves (TI=0,3) e, destes, um paciente evoluiu com óbito, sem relação causal estabelecida. Conclusão: A incidência geral de eventos graves foi baixa, o que corrobora o perfil de segurança dos imunobiológicos disponíveis contra a COVID-19.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Henrique Guimarães Aires e Silva, Universidade do Sul de Santa Catarina, Tubarão, (SC), Brasil.

Acadêmico do Curso de Medicina

Beatriz Ranson Margotti , Universidade do Sul de Santa Catarina, Tubarão, (SC), Brasil

Acadêmico do Curso de Medicina

Chaiana Esmeraldino Mendes Marcon, Universidade do Sul de Santa Catarina, Tubarão, (SC), Brasil.

Doutor em Ciência e Saúde

Referências

Islam MA, Kundu S, Alam SS, Hossan T, Kamal MA, Hassan R. Prevalence and characteristics of fever in adult and paediatric patients with coronavirus disease 2019 (COVID-19): A systematic review and meta-analysis of 17515 patients. Hirst JA, organizador. PLoS ONE. 6 de abril de 2021;16(4):e0249788.

Chua PEY, Shah SU, Gui H, Koh J, Somani J, Pang J. Epidemiological and clin-ical characteristics of non-severe and severe pediatric and adult COVID-19 pa-tients across different geographical regions in the early phase of pandemic: a systematic review and meta-analysis of observational studies. J Investig Med. 16 de junho de 2021;jim-2021-001858.

Ministério da Saúde. Painel de casos de doença pelo coronavírus 2019 (COVID-19) no Brasil pelo Ministério da Saúde [Internet]. 2021. Disponível em: https://covid.saude.gov.br/

Mari J de J, Oquendo MA. Mental health consequences of COVID-19: the next global pandemic. Trends Psychiatry Psychother. setembro de 2020;42(3):219–20.

Hochman G. Vacinação, varíola e uma cultura da imunização no Brasil. Ciênc saúde coletiva. fevereiro de 2011;16(2):375–86.

Khubchandani J, Sharma S, Price JH, Wiblishauser MJ, Sharma M, Webb FJ. COVID-19 Vaccination Hesitancy in the United States: A Rapid National As-sessment. J Community Health. abril de 2021;46(2):270–7.

Razai MS, Chaudhry UAR, Doerholt K, Bauld L, Majeed A. Covid-19 vaccination hesitancy. BMJ. 20 de maio de 2021;n1138.

Ministério da Saúde, Secretaria de Vigilância em Saúde, Departamento de Imu-nizações e Doenças Transmissíveis. Manual de vigilância epidemiológica de eventos adversos pós-vacinação - 4aedição [Internet]. 2020. Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/manual_vigilancia_epidemiologica_eventos_vacinacao_4ed.pdf

Freeman D, Loe BS, Yu LM, Freeman J, Chadwick A, Vaccari C, et al. Effects of different types of written vaccination information on COVID-19 vaccine hesitan-cy in the UK (OCEANS-III): a single-blind, parallel-group, randomised controlled trial. The Lancet Public Health. maio de 2021;S2468266721000967.

Kaur RJ, Dutta S, Bhardwaj P, Charan J, Dhingra S, Mitra P, et al. Adverse Events Reported From COVID-19 Vaccine Trials: A Systematic Review. Ind J Clin Biochem [Internet]. 27 de março de 2021 [citado 19 de maio de 2021]; Dis-ponível em: http://link.springer.com/10.1007/s12291-021-00968-z

Galhardi CP, Freire NP, Fagundes MCM, Minayo MC de S, Cunha ICKO. Fake News and vaccine hesitancy in the COVID-19 pandemic in Brazil. Ciênc saúde coletiva. maio de 2022;27(5):1849–58.

Freitas MBA de, Oliveira M de S, Maciel IME. ADESÃO À VACINA CONTRA A COVID 19 PELA COMUNIDADE ACADÊMICA DO UNIFUNEC. Unifunec Ci Saúde e Biol. 15 de junho de 2021;4(7):1–14.

Moore DCBC, Nehab MF, Camacho KG, Reis AT, Junqueira-Marinho M de F, Abramov DM, et al. Low COVID-19 vaccine hesitancy in Brazil. Vaccine. outubro de 2021;39(42):6262–8.

Nery N, Ticona JPA, Cardoso CW, Prates APPB, Vieira HCA, Salvador de Al-meida A, et al. COVID-19 vaccine hesitancy and associated factors according to sex: A population-based survey in Salvador, Brazil. Kumar S, organizador. PLoS ONE. 21 de janeiro de 2022;17(1):e0262649.

Feikin DR, Higdon MM, Abu-Raddad LJ, Andrews N, Araos R, Goldberg Y, et al. Duration of effectiveness of vaccines against SARS-CoV-2 infection and COVID-19 disease: results of a systematic review and meta-regression. The Lan-cet. março de 2022;399(10328):924–44.

Sato APS. Qual a importância da hesitação vacinal na queda das coberturas vacinais no Brasil? :9.

Vaccine refusal – what we need to know. :8.

Padamsee TJ, Bond RM, Dixon GN, Hovick SR, Na K, Nisbet EC, et al. Changes in COVID-19 Vaccine Hesitancy Among Black and White Individuals in the US. JAMA Netw Open. 21 de janeiro de 2022;5(1):e2144470.

MONITORAMENTO DOS EVENTOS ADVERSOS PÓS-VACINAÇÃO (EAPV) CONTRA A COVID-19 EM SANTA CATARINA [Internet]. 2022. Disponível em: https://www.dive.sc.gov.br/phocadownload/doencas-agravos/COVID%2019/boletim-EAPV-2022-2.pdf

Ministério da Saúde. BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO ESPECIAL - Doença pelo Novo Coronavírus – COVID-19 [Internet]. 2021. Disponível em: https://www.gov.br/saude/pt-br

Beatty AL, Peyser ND, Butcher XE, Cocohoba JM, Lin F, Olgin JE, et al. Anal-ysis of COVID-19 Vaccine Type and Adverse Effects Following Vaccination. JAMA Netw Open. 22 de dezembro de 2021;4(12):e2140364.

Xiong X, Yuan J, Li M, Jiang B, Lu ZK. Age and Gender Disparities in Ad-verse Events Following COVID-19 Vaccination: Real-World Evidence Based on Big Data for Risk Management. Front Med. 19 de julho de 2021;8:700014.

Torjesen I. Covid-19: Pfizer-BioNTech vaccine is “likely” responsible for deaths of some elderly patients, Norwegian review finds. BMJ. 27 de maio de 2021;n1372.

Silva RB da, Silva TPR da, Sato APS, Lana FCF, Gusmão JD, Souza JFA, et al. Eventos adversos pós-vacinação contra o SARS-CoV-2 (covid-19) no estado de Minas Gerais. Rev saúde pública. 22 de outubro de 2021;55:66.

Fundação Oswaldo Cruz. Observatório Covid-19 [Internet]. 2021. Disponível em: https://portal.fiocruz.br/observatorio-covid-19

Oster ME, Shay DK, Su JR, Gee J, Creech CB, Broder KR, et al. Myocarditis Cases Reported After mRNA-Based COVID-19 Vaccination in the US From De-cember 2020 to August 2021. JAMA. 25 de janeiro de 2022;327(4):331.

Moro PL, Olson CK, Clark E, Marquez P, Strid P, Ellington S, et al. Post-authorization surveillance of adverse events following COVID-19 vaccines in pregnant persons in the vaccine adverse event reporting system (VAERS), De-cember 2020 – October 2021. Vaccine. maio de 2022;40(24):3389–94.

Menegali BT, Schuelter-Trevisol F, Barbosa AN, Izidoro TM, Feurschuette OHM, Marcon CEM, et al. Vertical transmission of maternal COVID-19 antibodies after CoronaVac vaccine: A case report. Rev Soc Bras Med Trop. 2021;54:e0385-2021.

Ssentongo P, Ssentongo AE, Voleti N, Groff D, Sun A, Ba DM, et al. SARS-CoV-2 vaccine effectiveness against infection, symptomatic and severe COVID-19: a systematic review and meta-analysis. BMC Infect Dis. dezembro de 2022;22(1):439.

Publicado

2023-08-15

Como Citar

1.
Silva HGA e, Margotti BR, Marcon CEM. Eventos adversos pós-vacinais em pacientes imunizados contra a COVID-19 em um município do sul de Santa Catarina no ano de 2021. Medicina (Ribeirão Preto) [Internet]. 15 de agosto de 2023 [citado 26 de fevereiro de 2024];56(2):e-203651. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/rmrp/article/view/203651

Edição

Seção

Artigo Original
Bookmark and Share

Dados de financiamento