Jovens que tentam suicídio e narcisismo destrutivo

dois modelos compreensivos do fenômeno suicida

Autores

  • Roosevelt M.S Cassorla Faculdade de Ciências Médicas, Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2176-7262.v38i1p45-48

Palavras-chave:

Suicídio. Jovens. Narcisismo Destrutivo. Médicos. Estudantes de Medicina.

Resumo

Modelo do Estudo: O trabalho visa apresentar resultados de investigações anteriores do autor referentes a modelos compreensivos para o comportamento suicida. Comentários: No primeiro modelo discute-se a “história natural de jovens que tentam suicídio”, que implica num mundo interno sentido como esvaziado, estimulando a busca de relações simbióticas, que quando ameaçam desfazer-se levam a risco de desestruturação e fantasias de busca da plenitude com a morte. No segundo, “narcisismo destrutivo” mostra-se como autoexigências cruéis, quando não satisfeitas, levam a sensação de fracasso e loucura, o ato suicida parecendo ser uma saída. Finalmente discutem-se esses modelos em relação ao maior risco suicida em médicos e estudantes de medicina.

.

 

 

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Roosevelt M.S Cassorla, Faculdade de Ciências Médicas, Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP

Docente.Departamento de Psicologia Médica e Psiquiatria. Faculdade de Ciências Médicas, Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP; Psicanalista-International Psychoanalysis Association.

Downloads

Publicado

2005-03-30

Como Citar

1.
Cassorla RM. Jovens que tentam suicídio e narcisismo destrutivo: dois modelos compreensivos do fenômeno suicida. Medicina (Ribeirão Preto) [Internet]. 30 de março de 2005 [citado 9 de agosto de 2022];38(1):45-8. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/rmrp/article/view/423

Edição

Seção

Capítulos
Bookmark and Share