Análise dos conteúdos de Rorschach de pacientes com distúrbio afetivo bipolar

Autores

  • Ana Valéria Guelli Universidade de São Paulo
  • André Jacquemin Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto
  • Manoel Antônio dos Santos Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2176-7262.v29i2/3p269-277

Palavras-chave:

Teste de Rorschach, Técnicas Projetivas, Distúrbio Bipolar, Auto-Imagem

Resumo

Foram analisados os conteúdos dos protocolos Rorschach de pacientes bipolares, utilizando o “Crivo de Representação de Si”, a fim de avaliar a qualidade da representação de si e as modalidades de relação de objeto no grupo estudado. Foi investigada uma amostra de 11 sujeitos, atendidos pelo Serviço de Psiquiatria do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto - USP, com diagnóstico de transtorno afetivo bipolar, sendo 3 do sexo masculino e 8 do sexo feminino, com idades variando entre 22 a 67 anos e nível intelectual entre Médio e Médio Inferior. Foram analisados os conteúdos, segundo as dimensões de integridade, vitalidade e o caráter realista, os tipos de ação, a diferenciação de gênero e os elementos qualitativos particulares, eventualmente introduzidos nas respostas. A análise pluridimensional dos conteúdos evidenciou, no grupo estudado, indicadores de uma representação de si comprometido do ponto de vista da integridade e vitalidade, de uma fragilidade na estrutura da identidade pessoal e de modalidades relacionais pouco satisfatórias, sendo marcante a agressividade nas relações interpessoais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

André Jacquemin, Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto

 

 

Downloads

Publicado

1996-09-30

Como Citar

1.
Guelli AV, Jacquemin A, Santos MA dos. Análise dos conteúdos de Rorschach de pacientes com distúrbio afetivo bipolar. Medicina (Ribeirão Preto) [Internet]. 30 de setembro de 1996 [citado 27 de maio de 2022];29(2/3):269-77. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/rmrp/article/view/753

Edição

Seção

Artigo Original
Bookmark and Share

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)