Sepse primária, relacionada ao cateter venoso central

Autores

  • Anibal Basile-Filho Departamento de Cirurgia, Ortopedia e Traumatologia do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo.
  • Paulo de Tarso Oliveira e Castro Departamento de Clínica Médica do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo.
  • Gerson Alves Pereira Júnior Unidade de Emergência do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo.
  • Flávio Marson Unidade de Emergência do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo.
  • Lauro Mattar Jr Unidade de Emergência do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo.
  • João Carlos da Costa Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH). Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo.

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2176-7262.v31i3p363-368

Palavras-chave:

Sepse. Cateterismo Venoso Central.

Resumo

Desde a descrição inicial do primeiro cateterismo venoso da veia subclávia, efetuada por Aubaniac, em 1952, e especialmente com a explosão de seu uso após o advento da nutrição parenteral, descrita por Dudrick et al., em 1968, várias complicações têm sido descritas, causadas pelo cateterismo venoso, central, percutâneo. Dentre as mais variadas complicações atribuídas a esta técnica, uma das mais importantes é, sem dúvida, a sepse primária, relacionada ao cateter venoso central, devido ao aumento considerável da morbimortalidade do paciente crítico. No entanto, algumas vezes, torna-se complicado efetuar o diagnóstico de sepse primária, relacionada ao cateter venoso central. A razão disso é a dificuldade na diferenciação entre os cateteres que estão realmente causando infecção e aqueles que estão apenas colonizados, mostrando apenas uma cultura positiva. O principal objetivo deste trabalho é apresentar uma revisão atualizada dos principais critérios diagnósticos, clínicos e microbiológicos de sepse primária, relacionada ao cateter venoso central.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Anibal Basile-Filho, Departamento de Cirurgia, Ortopedia e Traumatologia do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo.

Docente e Chefe da Disciplina de Terapia Intensiva do Departamento de Cirurgia, Ortopedia e Traumatologia do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo.

Paulo de Tarso Oliveira e Castro, Departamento de Clínica Médica do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo.

Médico Assistente da Disciplina de Moléstias Infecciosas do Departamento de Clínica Médica do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo.

Gerson Alves Pereira Júnior, Unidade de Emergência do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo.

Médico Intensivista da UTI da Unidade de Emergência do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo.

Flávio Marson, Unidade de Emergência do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo.

Médico Intensivista da UTI da Unidade de Emergência do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo.

Lauro Mattar Jr, Unidade de Emergência do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo.

Médico Intensivista da UTI da Unidade de Emergência do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo.

João Carlos da Costa, Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH). Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo.

Presidente da Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH). Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo.

Downloads

Publicado

1998-09-30

Como Citar

1.
Basile-Filho A, Castro P de TO e, Pereira Júnior GA, Marson F, Mattar Jr L, Costa JC da. Sepse primária, relacionada ao cateter venoso central. Medicina (Ribeirão Preto) [Internet]. 30 de setembro de 1998 [citado 22 de setembro de 2021];31(3):363-8. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/rmrp/article/view/7685

Edição

Seção

Simpósio: Medicina Intensiva: I. Infecção e Choque
Bookmark and Share

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>