O ÍNDICO, UMA PROMESSA DE HORIZONTE - ENTREVISTA COM JOÃO PAULO BORGES COELHO

Autores

DOI:

https://doi.org/10.11606/va.i38.166285

Palavras-chave:

Literaturas Africanas, Oceano Índico, Moçambique, Literatura-Mundial, João Paulo Borges Coelho

Resumo

João Paulo Borges Coelho é professor, historiador e escritor moçambicano de grande destaque no âmbito das Literaturas Africanas em língua portuguesa. A seguinte entrevista a João Paulo Borges Coelho foi realizada em Oxford, em novembro de 2019, e posteriormente revista e editada em colaboração com Elena Brugioni. Motivada pelos objetivos de propor o Oceano Índico e a Literatura-Mundial como possíveis paradigmas críticos para o estudo das Literaturas Africanas e de analisar os contos de Índicos Indícios (Borges Coelho, 2005) como narrativas emblemáticas de imaginários transnacionais da contemporaneidade moçambicana, a entrevista aborda, entre outras, questões referentes às relações entre literatura e crítica literária, África e o mar, Moçambique e o Índico, bem como algumas reflexões do autor sobre narrativas históricas.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Gabriela Beduschi Zanfelice, Universidade Estadual de Campinas

Graduanda em Letras no Instituto de Estudos da Linguagem (IEL) da Unicamp, Bolsista de Iniciação Cientifica da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - FAPESP (ref. 2018/20953-6) e membro integrante do KALIBAN - Centro de Pesquisa em Estudos Pós-coloniais e Literatura-Mundial (Unicamp/IEL-CNPq).

Elena Brugioni, Universidade Estadual de Campinas

Professora de Literaturas Comparadas no Departamento de Teoria Literária do Instituto de Estudos da Linguagem (IEL) da Unicamp onde co-coordena o KALIBAN - Centro de Pesquisa em Estudos Pós-coloniais e Literatura-Mundial (Unicamp/IEL-CNPq). Atua nas áreas de literaturas comparadas, literaturas africanas e estudos pós-coloniais; suas pesquisas se debruçam sobre romance africano contemporâneo, cartografias críticas comparatistas, estudos do Oceano Índico e literatura-mundial.

Referências

BENJAMIN, Walter. Desempacotando minha biblioteca: Um discurso sobre o colecionador. In: BENJAMIN, Walter. Rua de mão única. São Paulo: Brasiliense, 1987 [1928].

BENJAMIN, Walter. Charles Baudelaire: um lírico no auge do capitalismo. São Paulo: Brasiliense, 1989 [1919].

BENJAMIN, Walter. Origem do drama trágico alemão. Belo Horizonte: Autêntica Editora, 2013 [1928].

BORGES COELHO, João Paulo. As Duas Sombras do Rio. Lisboa: Caminho, 2003.

BORGES COELHO, João Paulo. As Visitas do Dr. Valdez. São Paulo: Editora Kapulana, 2019 [2004].

BORGES COELHO, João Paulo. Ponta Gea. Lisboa: Caminho, 2017.

BORGES COELHO, João Paulo. Índicos Indícios I: Setentrião. Lisboa: Caminho, 2005a.

BORGES COELHO, João Paulo. Índicos Indícios II: Meridião. Lisboa: Caminho, 2005b.

BRUGIONI, Elena; GROSSEGESSE, Orlando & DE MEDEIROS, Paulo. (orgs.). A Companion to João Paulo Borges Coelho. (Re)Writing the (Post)Colonial Remains. London: Peter Lang, 2020. (no prelo)

CAN, Nazir Ahmed. Discurso e poder nos romances de João Paulo Borges Coelho. Maputo: Alcance Editores, 2014.

GINZBURG, Carlo. Olhos de Madeira. São Paulo: Companhia das Letras, 2001 [1998].

GINZBURG, Carlo. Mitos, Emblemas, Sinais: Morfologia e História. São Paulo: Companhia das Letras, 1989.

KHAN, Sheila. et al. (orgs.). Visitas a João Paulo Borges Coelho: leituras, diálogos e futuros. Lisboa: Edições Colibri, 2017.

LACOSTE, Yves. A geografia – isso serve, em primeiro lugar, para fazer a guerra. Campinas: Papirus, 1988 [1976].

MORETTI, Franco. Conjectures on world literature. New left review 1, 2000, pp. 54–68.

PEARSON, Michael N. The Indian Ocean. London: Routledge, 2007.

ROUSSEL, Raymond. Impressions d'Afrique. Paris: Flammarion, 2011 [1909].

ROUSSEL, Raymond . Nouvelles Impressions d'Afrique. Marseille: Al Dante, 2004 [1932].

SARLO, Beatriz. Sete ensaios sobre Walter Benjamin e um lampejo. Rio de Janeiro: Editora da UFRJ, 2013 [2000].

TORABULLY, Khal. Chair corail, fragments coolies: poésie. Matoury: Ibis rouge, 1999.

WALLERSTEIN, Immanuel. The modern world-system: Capitalist agriculture and the origins of the European world-economy in the sixteenth century. New York and London: Academic Press, 1974.

WALLERSTEIN, Immanuel. The modern world-system II: Mercantilism and the consolidation of the European world-economy, 1600–1750. New York: Academic Press, 1980.

WALLERSTEIN, Immanuel. The modern world-system III: The second era of great expansion of the capitalist world-economy, 1730–1840s. San Diego, London, Boston, New York, Sydney, Tokyo and Toronto: Academic Press, 1989.

WREC. Combined and Uneven Development: Towards a New Theory of World-Literature. Liverpool: Liverpool University Press, 2015.

WREC, Desenvolvimento Combinado e Desigual: Por uma Nova Teoria da Literatura-Mundial. Organização de Elena Brugioni, Alfredo Cesar Melo e Paylo de Medeiros. Tradução de Gabriela Beduschi Zanfelice. Campinas: Editora Unicamp, 2020 (no prelo).

Downloads

Publicado

2020-12-23

Como Citar

Zanfelice, G. B., & Brugioni, E. (2020). O ÍNDICO, UMA PROMESSA DE HORIZONTE - ENTREVISTA COM JOÃO PAULO BORGES COELHO. Via Atlântica, (38), 437-469. https://doi.org/10.11606/va.i38.166285

Dados de financiamento