A LITERATURA CONTRA O ESTADO EM 1968: POLÍTICA E EXCLUSÃO EM CLARICE LISPECTOR

Autores

  • Jaime Ginzburg Universidade de São Paulo (USP)

DOI:

https://doi.org/10.11606/va.v0i12.50087

Palavras-chave:

ClariceLispector, política, estudantes, universidade

Resumo

ESTE ESTUDO PROCURA EXAMINAR A ATITUDE DE CLARICE LISPECTOR EM CONTRARIEDADE À DITADURA MILITAR NO BRASIL. A“CARTA AO MINISTRO DA EDUCAÇÃO” EXPÕE UM FORTE CONFLITO ENTRE INSTITUIÇÕES EDUCACIONAIS E ESTUDANTES, E A ESCRITORA TOMA POSIÇÃO CONTRA A REPRESSÃO SOCIAL E A VIOLÊNCIA.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2007-12-21

Como Citar

Ginzburg, J. (2007). A LITERATURA CONTRA O ESTADO EM 1968: POLÍTICA E EXCLUSÃO EM CLARICE LISPECTOR. Via Atlântica, 8(2), 133-139. https://doi.org/10.11606/va.v0i12.50087

Edição

Seção

Dossiê 12: Literatura, Cultura e Exclusão