TESTAMENTOS DE JOSÉ LUÍS PEIXOTO

Autores

  • Lílian Lopondo Universidade Presbiteriana Mackenzie Universidade de São Paulo (USP)

DOI:

https://doi.org/10.11606/va.v0i14.50401

Palavras-chave:

intertextualidade, trágico, romance contemporâneo

Resumo

O ROMANCE NENHUM OLHAR, DE AUTORIA DO PORTUGUÊS JOSÉ LUÍS PEIXOTO E VENCEDOR DO PRÊMIO SARAMAGO 2001, FOCALIZA A TRAJETÓRIA DE UM PEQUENO GRUPO DE PERSONAGENS DE UMA COMUNIDADE SEM NOME (ALENTEJO?). O TEXTO CONSTRÓI-SE MEDIANTE O PROCESSO DE DUPLICAÇÃO, QUE PERMITE CONSIDERAR O SEU PARADIGMA – A SAGRADA ESCRITURA – SOB NOVOS PRISMAS. ESTE TRABALHO TEM COMO OBJETIVO O ESTUDO DOS MECANISMOS POR MEIO DOS QUAIS SE EFETUA O DIÁLOGO COM O PROTOTEXTO NO ROMANCE, COM VISTAS AO EXAME DA TENSÃO COM O MODELO QUE LHE SERVE DE GUIA.

Downloads

Os dados de download ainda não estão disponíveis.

Downloads

Publicado

2008-12-22

Edição

Seção

Dossiê 14: Testamentos e interdiscursos

Como Citar

LOPONDO, Lílian. TESTAMENTOS DE JOSÉ LUÍS PEIXOTO. Via Atlântica, São Paulo, v. 9, n. 2, p. 157–166, 2008. DOI: 10.11606/va.v0i14.50401. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/viaatlantica/article/view/50401.. Acesso em: 12 abr. 2024.