MONUMENTALIDADE E HIBRIDISMO INDO-PORTUGUÊS: DISCURSOS VISUAIS TALHADOS EM PEDRA, MADEIRA E MARFIM

Autores

  • Cibele E. V. Aldrovandi Universidade de São Paulo (USP)

DOI:

https://doi.org/10.11606/va.v0i19.50773

Palavras-chave:

monumentalidade, hibridismo, interdiscursividade, Portugal, Índia

Resumo

ESTE ARTIGO ANALISA ALGUNS ASPECTOS DO HIBRIDISMO INDO-PORTUGUÊS PRESENTES NA ARTE E NA ARQUITETURA SAGRADA E SECULAR, SOB A ÓTICA DE UM DISCURSO MONUMENTAL HEGEMÔNICO ENGENDRADO PELO COLONIALISMO PORTUGUÊS EM TERRITÓRIO INDIANO.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2011-06-30

Como Citar

Aldrovandi, C. E. V. (2011). MONUMENTALIDADE E HIBRIDISMO INDO-PORTUGUÊS: DISCURSOS VISUAIS TALHADOS EM PEDRA, MADEIRA E MARFIM. Via Atlântica, 12(1), 149-164. https://doi.org/10.11606/va.v0i19.50773

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)