MEMÓRIA E ESQUECIMENTO NA MÍDIA CONTEMPORÂNEA: FERNANDO EM PESSOA DE LAERTE

Autores

  • Luciano Barbosa Justino Universidade Estadual da Paraíba

DOI:

https://doi.org/10.11606/va.v0i20.50796

Palavras-chave:

história em quadrinhos, mídia contemporânea, poesia, memória

Resumo

ESTE ENSAIO TOMA COMO CORPUS DE ANÁLISE A HQ O POETA, DE LAERTE, COM O OBJETIVO DE ENTENDER A MEMÓRIA, À LUZ DA SEMIÓTICA DA CULTURA E DO CONCEITO DE HISTÓRIA COMO CONSTELAÇÃO DE TEMPOS DE WALTER BENJAMIN, COMO UM DISCURSO QUE CRUZA O PRESENTE COM OUTRAS TEMPORALIDADES NÃO CONTEMPORÂNEAS. POSTULA-SE AQUI QUE A NARRATIVA DE LAERTE UTILIZA OS VERSOS E A PERSONA DE FERNANDO PESOA E SUA MIGRAÇÃO PARA A TV PARA MOSTRAR A PERTINÊNCIA DA POESIA ENQUANTO MEMÓRIA VIVA NO PROPALADO PÓS-MODERNISMO E EM SUAS FORMAS SÓCIO-DISCURSIVAS.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2011-12-31

Como Citar

Justino, L. B. (2011). MEMÓRIA E ESQUECIMENTO NA MÍDIA CONTEMPORÂNEA: FERNANDO EM PESSOA DE LAERTE. Via Atlântica, 12(2), 145-160. https://doi.org/10.11606/va.v0i20.50796

Edição

Seção

Dossiê 20: literatura e indústria cultural