O humano entre natureza e seleção. Dilemas éticos no debate Sloterdijk-Habermas

Autores

  • Murilo Mariano Vilaça

Palavras-chave:

Sloterdijk – Habermas – natureza humana – seleção – biotecnologia

Resumo

Este artigo se propõe a refletir sobre a possibilidade de a biotecnologia promover uma nova forma de criação do humano e sobre como isso pode alterar a compreensão ética do que significa ser humano. Tendo como pano de fundo a contraposição entre duas idéias de humano – como sujeito ativo da seleção e como sujeito moral dotado de autonomia, autenticidade e autocompreensão ética da espécie –, o objetivo é analisar os argumentos apresentados por dois importantes filósofos contemporâneos acerca da biotecnologia. Apresento e contraponho os argumentos do debate entre Peter Sloterdijk, no texto Regras para o parque humano, e Jürgen Habermas, na obra O futuro da natureza humana, identificando e debatendo suas posições acerca do papel das biotecnologias para o futuro da humanidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Como Citar

Vilaça, M. M. (2009). O humano entre natureza e seleção. Dilemas éticos no debate Sloterdijk-Habermas. Cadernos De Ética E Filosofia Política, 2(15), 211-232. Recuperado de https://www.revistas.usp.br/cefp/article/view/82615

Edição

Seção

Artigos