O vocabulário da habilidade e da competência: algumas considerações neopragmáticas

Autores

  • Pedro Fernando Bendassolli Universidade de São Paulo; Instituto de Psicologia; Departamento de Psicologia Social e do Trabalho

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.1981-0490.v3i0p65-76

Palavras-chave:

Neopragmatismo, Trabalho, Subjetividade, Discurso

Resumo

O objetivo deste artigo é apresentar e discutir alguns dos principais elementos que compõem o chamado vocabulário da habilidade e da competência. A partir de um resgate teórico de alguns conceitos elaborados pela filosofia neopragmática da linguagem, é proposto que tal vocabulário é caracterizado como um complexo discursivo articulado pelas noções de personalidade, de ação individual, de performance e pela noção de learning society, ou seja, da idéia de uma sociedade voltada para o conhecimento e aprendizagem constantes. O artigo desenvolve ainda o argumento de que o vocabulário da habilidade e da competência institui determinadas formas de vida que passam, em função da sua repetição e reiteração, a figurar como modalidades quase que inquestionáveis e naturais dos mecanismos de formação da subjetividade numa época em que as grandes narrativas identitárias perdem sua consistência, incluindo, entre outras, a perda das narrativas de classe, das narrativas coletivas articuladas em torno das políticas do Estado de Bem-Estar Social e a corrosão da sociedade do trabalho (o fim do pleno emprego).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2001-12-01

Como Citar

Bendassolli, P. F. (2001). O vocabulário da habilidade e da competência: algumas considerações neopragmáticas . Cadernos De Psicologia Social Do Trabalho, 3, 65-76. https://doi.org/10.11606/issn.1981-0490.v3i0p65-76

Edição

Seção

Artigos