Repetição e significado poético (o desdobramento como fator constitutivo na poesia de F. Gullar)

Autores

  • Guaraciaba Micheletti Universidade de São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2176-9419.v0i1p151-164

Palavras-chave:

Poesia, Repetição, Linguagem poética

Resumo

A repetição, elemento fundamental na construção de sentido, consiste num dos procedimentos básicos da língua. Através da poesia de Ferreira Gullar, este procedimento é visto como um desdobramento que se manifesta nas diversas camadas linguísticas: fônica, léxica, sintática e, além disto, estabelece um diálogo com outros textos através da paródia e estilização. O seu discurso revela, por vezes, o desdobramento de outros discursos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

1997-08-02

Como Citar

Micheletti, G. (1997). Repetição e significado poético (o desdobramento como fator constitutivo na poesia de F. Gullar). Filologia E Linguística Portuguesa, (1), 151-164. https://doi.org/10.11606/issn.2176-9419.v0i1p151-164

Edição

Seção

Artigos