Recursos gramaticais para a expressão de proposições dependentes da valência do predicado em Português, Espanhol e Alemão

Autores

  • Eberhard Gärtner Universidade de Leipzig

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2176-9419.v0i4p7-52

Palavras-chave:

Língua portuguesa. Língua espanhola. Língua alemã. Teoria da valência. Proposições dependentes. Orações completivas. Construções de infinitivo. Nominalização. Pronominalização. Orações reduzidas (de gerúndio, de adjetivo, de substantivo).

Resumo

Neste artigo, depois de esvoçar diferenças metodológicas fundamentais entre a descrição de orações subordinadas nas tradições luso-brasileira e alemã, apresentamos uma descrição de orações completivas e construções equivalentes das três línguas em epígrafe, baseada num modelo gramatical que inclui o significado oracional na descrição gramatical. Consideramos a 'proposição' uma entidade semântica (significado oracional) constituída pelas propriedades semânticas do predicado, por meio da valência semântica do mesmo. A valência sintática, então, decide sobre as construções morfo-sintáticas utilizáveis, com um determinado predicado, para a expressão da respectiva proposição dependente subjacente. Grande parte do artigo é destinada à descrição desses recursos gramaticais de expressão, entre os quais contamos tanto as orações  conjuncionais e as construções de infinitivo, nas funções oracionais de sujeito, objeto ou complemento adverbial ou em função completiva nominal, como construções substantivadas, nominalizações e pronominalizações. Discutimos tambem construções com elevação de sujeito, entre as quais incluímos construções conjuncionais, de infinitivo, de gerúndio, gerundiais de infinitivo assim como sintagmas adjetivais, nominais e preposicionais como formas de redução de proposições com predicado nominal e locativo. Finalmente referimo-nos a construções mono-oracionais com elevação de vários argumentos. A comparação com o alemão dá como resultado a maior riqueza das duas línguas ibero-românicas em recursos expressivos para proposições dependentes: a comparação entre estas evidencia sutis diferenças entre o português e o espanhol.

Downloads

Publicado

2001-08-02

Como Citar

Gärtner, E. (2001). Recursos gramaticais para a expressão de proposições dependentes da valência do predicado em Português, Espanhol e Alemão. Filologia E Linguística Portuguesa, (4), 7-52. https://doi.org/10.11606/issn.2176-9419.v0i4p7-52

Edição

Seção

Artigos