GEOGRAFIA FÍSICA E A QUESTÃO AMBIENTAL NO BRASIL

Autores

  • Marcos Barros de Souza Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
  • Zilda de Fátima Mariano Universidade Federal de Goiás

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2179-0892.geousp.2008.74082

Palavras-chave:

Geografia, Geografia física, Questão ambiental, Qualidade ambiental.

Resumo

Este trabalho visa mostrar o panorama da Geografia Física no Brasil e a necessidade de conscientização acerca da questão ambiental. As transformações ambientais no cenário brasileiro demonstram a necessidade de delinear o posicionamento da Geografia Física em relação às mudanças ambientais que ocorrem envolvendo mudanças setoriais nos elementos ar, água, terra e seres vivos, que vão se mesclando em análises, tratando das interações entre a atmosfera, a hidrosfera, os solos, a vegetação e as atividades humanas. Entre as décadas de setenta e de oitenta do século XX iniciou-se conscientização da população em relação às agressões que vinham se multiplicando no Brasil contra a natureza e aos níveis insatisfatórios da qualidade ambiental, demonstrando a necessidade de reagir e compreender as causas e os mecanismos dos desequilíbrios. É importante entender o processo de formação do território brasileiro e suas principais características, para implementar, de forma adequada, o planejamento e a gestão ambiental.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marcos Barros de Souza, Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas

Doutorando em Geografia Física pelo Programa de Pós-Graduação em Geografia Física do Departamento de Geografia da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo (FFLCH/USP).

Zilda de Fátima Mariano, Universidade Federal de Goiás

Professora Doutora do Departamento de Geografia da Universidade Federal de Goiás, campus de Jataí.

Downloads

Publicado

2008-12-30

Como Citar

SOUZA, M. B. de; MARIANO, Z. de F. GEOGRAFIA FÍSICA E A QUESTÃO AMBIENTAL NO BRASIL. GEOUSP Espaço e Tempo (Online), [S. l.], v. 12, n. 2, p. 77-98, 2008. DOI: 10.11606/issn.2179-0892.geousp.2008.74082. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/geousp/article/view/74082. Acesso em: 4 out. 2022.

Edição

Seção

Artigos