Pela sobrevivência da narrativa: a dificuldade do ato de narrar em "Os sobreviventes", de Caio Fernando Abreu

  • Adenize Franco Universidade de São Paulo
Palavras-chave: Conto, Caio Fernando Abreu, negatividade

Resumo

Este trabalho propõe algumas reflexões a respeito do conto "Os sobreviventes", de Caio Fernando Abreu. A intenção é demonstrar como o aspecto da negatividade, enquanto construção do sujeito, conduz a uma narrativa em que não há elementos fixos tampouco estáveis, seja de espaço, de tempo ou de voz discursiva. Esse deslocamento corrobora a ideia de que existe uma dificuldade do ato de narrar, condicionada pelas mudanças sociais ocorridas no contexto de produção do conto e que contribui para a caracterização estética e política da narrativa. 

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Adenize Franco, Universidade de São Paulo

Doutoranda em Estudos Comparados de Literaturas de Língua Portuguesa, Orientador: Mário César Lugarinho. 

Publicado
2016-04-28
Como Citar
Franco, A. (2016). Pela sobrevivência da narrativa: a dificuldade do ato de narrar em "Os sobreviventes", de Caio Fernando Abreu. Opiniães, 3(4-5), 58-68. https://doi.org/10.11606/issn.2525-8133.opiniaes.2014.114874