O conhecimento pré-colombiano do Brasil pelos portugueses

Autores

  • Thomaz Oscar Marcondes de Souza

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2316-9141.rh.1961.121517

Palavras-chave:

Colonização, Portugal, descobrimentos.

Resumo

A brilhante emprêsa marítima realizada pelo infante D. Henrique ao longo da costa ocidental da África; a passagem do cabo da Boa Esperança em 1488 por Bartolomeu Dias; o desco-brimento do caminho marítimo para a índia por Vasco da Ga-ma em 1498; as guerras e conquistas na Ásia com a figura ím-par de Afonso de Albuquerque; o ter Portugal mantido por mais de três séculos a integridade territorial do Brasil, vencendo fran-ceses, holandeses e espanhóis, não satisfazem a vaidade nacio-nal de certos historiadores portuguêses . Querem mais . Que-rem que tudo que possa constituir prioridade, em se tratando de descobrimento marítimos, pertença a Portugal. Navegado-res do quilate de Colombo, Caboto, Vespucci, Pinzon, Verraz-zano, Cartier e outros, não passam de medíocres, de embustei-ros e de falsos descobridores que se apropriaram de glórias alheias, sendo que o Genovês, o pouco que sabia de navegação, aprendeu em Portugal. 

Downloads

Os dados de download ainda não estão disponíveis.

Downloads

Publicado

1961-06-30

Edição

Seção

Fatos e Notas

Como Citar

SOUZA, Thomaz Oscar Marcondes de. O conhecimento pré-colombiano do Brasil pelos portugueses. Revista de História, São Paulo, v. 23, n. 47, p. 149–155, 1961. DOI: 10.11606/issn.2316-9141.rh.1961.121517. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/revhistoria/article/view/121517.. Acesso em: 14 jul. 2024.