El comercio de la coca y las mujeres indias en Potosi del s. XVI

Autores

  • Paulina Numhauser Bar-Magen Universidade de São Paulo; Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas; Depto. de História

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2316-9141.v0i138p27-43

Palavras-chave:

Mulher, Índia, coca, Potosí s. XVI

Resumo

O estudo dos documentos notariais de Potosí no século XVI, comprovam a presença de mulheres indígenas independentes que monopolizaram o rendoso comércio varejista da coca. Estes testemunhos provam como estas mulheres tiveram a capacidade de acumular bens e de investí-los. Nos perguntamos se este fenômeno que assombrou os contemporâneos foi um produto das exigências vitais do sistema minerador ou a permanência de uma estrutura pré-hispana amparada pelos privilégios particulares do lugar?

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

1998-06-30

Edição

Seção

Artigos