"Estas vozes proferidas (...) Em si são nada, mas são sinais de muito": murmurações nos furores sertanejos de 1736 em Minas Gerais

Autores

  • Tarcísio de Souza Gaspar Universidade Federal Fluminense

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2316-9141.v0i162p73-104

Palavras-chave:

revolta, vozes, murmurações

Resumo

Este artigo investiga as murmurações e vozes orais veiculadas nos Furores Sertanejos de 1736.

Downloads

Os dados de download ainda não estão disponíveis.

Downloads

Publicado

2010-06-30

Edição

Seção

Artigos

Como Citar

GASPAR, Tarcísio de Souza. "Estas vozes proferidas (...) Em si são nada, mas são sinais de muito": murmurações nos furores sertanejos de 1736 em Minas Gerais. Revista de História, São Paulo, n. 162, p. 73–104, 2010. DOI: 10.11606/issn.2316-9141.v0i162p73-104. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/revhistoria/article/view/19152.. Acesso em: 19 jun. 2024.