Disputas por chão de terra: expansão mercantil e seu impacto sobre a estrutura fundiária da cidade de São Paulo (1765-1848)

Autores

  • Denise A. Soares de Moura Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho; Faculdade de Ciências Humanas e Sociais

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2316-9141.v0i163p53-80

Palavras-chave:

Administração municipal, Terra urbana, Comércio colonial

Resumo

Este artigo trata da administração municipal e a terra urbana no Império Português entre a segunda metade do século XVIII e as primeiras décadas do século XIX. A idéia central é a de que a política do Império de estímulo ao comércio colonial e a maior liberalização do comércio desde a transferência da família real para o Rio de Janeiro incentivaram os conflitos de terra em cidades-entreposto como São Paulo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2010-12-30