O conceito de imagem-presença na arte da idade média

Autores

  • Daniel Russo Institut Universitaire de France

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2316-9141.v0i165p37-72

Palavras-chave:

Imagem, Presença Visual, História Intelectual

Resumo

Este artigo propõe situar as principais correntes de leitura da imagem na arte medieval e sublinha a aparição de uma matriz original de pensamento, o pensamento pela arte, entre 1950 e 2000. No centro dessa nova épistémé, afirmou-se o conceito de imagem-presença, discutido a partir de três exemplos de entre o ano mil e c., 1450 e de um diálogo interdisciplinar com a antropologia social e a filosofia das ciências.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2011-12-30

Como Citar

RUSSO, D. O conceito de imagem-presença na arte da idade média. Revista de História, [S. l.], n. 165, p. 37-72, 2011. DOI: 10.11606/issn.2316-9141.v0i165p37-72. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/revhistoria/article/view/19210. Acesso em: 22 fev. 2024.