O Atlântico equatorial: sociabilidade e poder nas fronteiras da América portuguesa

Autores

  • Patrícia Melo Sampaio Universidade Federal do Amazonas
  • Mauro Cezar Coelho Universidade Federal do Pará

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2316-9141.v0i168p14-23

Resumo

A Amazônia portuguesa compreende uma área singular no conjunto das possessões ultramarinas lusitanas. Área de colonização tardia, cuja ocupação teve início cerca de um século após a conquista do litoral americano, ela conheceu relações sociais e políticas que demandam modelos explicativos próprios.

Downloads

Os dados de download ainda não estão disponíveis.

Downloads

Publicado

2013-06-30

Como Citar

SAMPAIO, Patrícia Melo; COELHO, Mauro Cezar. O Atlântico equatorial: sociabilidade e poder nas fronteiras da América portuguesa. Revista de História, São Paulo, n. 168, p. 14–23, 2013. DOI: 10.11606/issn.2316-9141.v0i168p14-23. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/revhistoria/article/view/58843.. Acesso em: 20 maio. 2024.