Desejo e prazer: um aspecto da sexualidade entre os Karitiana

Autores

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2316-9133.v24i24p505-523

Palavras-chave:

Karitiana, Sexualidade, Pessoa, Parentesco, Emoções.

Resumo

A proposta do presente artigo é analisar um dos muitos aspectos da
sexualidade Karitiana, grupo Tupi Arikém de Rondônia, através de suas conexões
a outras instâncias da vida social do grupo. A partir de sua relação com diferentes
campos – a saber, a mitologia, a dinâmica dos corpos, as emoções e as sensações
–, é possível perceber que desejo e prazer sexual, ao serem conectados a essas outras esferas, ganham destaque no processo de produção de pessoas, na arquitetura da sociabilidade e na própria possibilidade de existência da sociedade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Andréa Oliveira Castro, Universidade Federal do Paraná

Mestrado em Antropologia Social PPGAS/Museu Nacional/UFRJ e doutoranda na Universidade Federal de Juiz de Fora. Participa do grupo de pesquisa CNPQ Antropologia das Fronteiras Conceituais - UFJF Professora Adjunta da Universidade Federal do Paraná na área de Antropologia, com ênfase em Etnologia Indígena.

Downloads

Publicado

2016-06-17

Como Citar

Castro, A. O. (2016). Desejo e prazer: um aspecto da sexualidade entre os Karitiana. Cadernos De Campo (São Paulo - 1991), 24(24), 505-523. https://doi.org/10.11606/issn.2316-9133.v24i24p505-523

Edição

Seção

Especial