Manifiesto Liminar

Autores

  • Adrián Pablo Fanjul Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2317-9651.v0i16p48-65

Resumo

Esta declaração, que transcendeu historicamente como “Manifiesto Liminar”, foi publicada em La Gaceta Universitaria, periódico da Federación Universitária de Córdoba, entidade representativa estudantil que protagonizou organicamente a revolta conhecida como Reforma de 1918. A data é de 21 de junho daquele ano. Foi assinada por um grupo de estudantes detalhado no final, dentre os quais não consta aquele que é considerado seu principal autor, Deodoro Roca. O artigo de Eduardo Rinesi que publicamos neste número, “Dieciocho apuntes sobre el Dieciocho”, desenvolve análises deste texto. Apresentamos aqui também uma tradução para o português.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2018-12-14

Como Citar

FANJUL, A. P. Manifiesto Liminar. Caracol, [S. l.], n. 16, p. 48-65, 2018. DOI: 10.11606/issn.2317-9651.v0i16p48-65. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/caracol/article/view/152742. Acesso em: 16 out. 2021.