A vida verdadeira do Sambizanga em tempos de viragem

Palavras-chave: Adaptação, Luandino Vieira, Sarah Maldoror, Luta de libertação de Angola

Resumo

O filme Sambizanga (1972), de Sarah Maldoror, adaptação da novela A vida verdadeira de Domingos Xavier (1961), de José Luandino Vieira, reapresenta ficcionalmente o entorno de um dos episódios-estopim da luta de libertação de Angola, considerado mesmo o marco inicial da guerra pelo MPLA, o ataque à Casa de Reclusão Militar, em Luanda, a 4 de fevereiro de 1961. Neste artigo será discutido o processo de adaptação empregado nesse filme e analisadas possibilidades de sentido oferecidas pela leitura comparada com seu texto-fonte.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Edimara Lisboa, Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Doutoranda do Programa de Pós-graduação em Estudos Comparados de Literaturas de Língua Portuguesa da FFLCH-USP

Referências

BELLO, Maria do Rosário Lupi. Narrativa literária e narrativa fílmica: o caso de Amor de Perdição. 2. ed. Coimbra: Fundação Calouste Gulbenkian e Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCG-FCT), 2008. (Textos Universitários de Ciências Sociais e Humanas.)

BENJAMIN, Walter. Sobre o conceito da história. In: Magia e técnica, arte e política: ensaios sobre literatura e história da cultura. Trad. Sérgio Paulo Rouanet. 7. ed. 10. reimp. São Paulo: Brasiliense, 1996, p. 222-232. (Obras escolhidas, vol. 1.)

CANDIDO, Antonio. Literatura e sociedade. 10. ed. Rio de Janeiro: Ouro sobre Azul, 2008.

DAVID, Debora Leite. Dois cárceres, uma certeza: a morte. Um estudo comparado entre A vida verdadeira de Domingos Xavier de Luandino Vieira e Memórias do cárcere de Graciliano Ramos. Dissertação [Mestrado em Letras]. São Paulo: Universidade de São Paulo, 2006.

DEMBROW, Michael. Sambizanga and Sarah Maldoror. In: Studies in African Film, Lewis & Clark College, Summer Session II, 2000. Material de curso, artigo on-line. Disponível em: http://spot.pcc.edu/~mdembrow/sambizanga.htm. Acesso em 27 abr. 2013.

FANON, Frantz. Os condenados da terra. Prefácio de Jean-Paul Sartre. Trad. José Laurêncio de Melo. [Rio de Janeiro]: Civilização Brasileira, [1968].

FERRO, Marc. Cinema e história. Trad. Flávia Nascimento. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1992.

MENDILOW, Adam Abraham. O tempo e o romance. Trad. Flávio Wolf. Porto Alegre: Globo, 1972.

MONTEIRO, Miguel (org.). Cinema & História. 6 a 10 de outubro de 2003. Lisboa: Centro de História da Universidade de Lisboa, 2004.

NOVO JORNAL. Entrevista. Sarah Maldoror, cineasta. “Em nome da moral fazem-se guerras”. Por Pedro Cardoso. Luanda, p. 14-16, 28 nov. 2008.

REIS, Carlos. Do realismo ao neo-realismo. In: Textos teóricos do neo-realismo português. Lisboa: Seara Nova, 1981, p. 13-41.

SAMBIZANGA. Direção: Sarah Maldoror. Angola; França: Isabelle Films, 1972. Drama, 102 min., 35 mm, eastmancolor. DVD (New Yorker films release).

VENÂNCIO, José Carlos. Literatura e poder na África lusófona. Lisboa: Instituto de Cultura e Língua Portuguesa do Ministério da Educação, 1992.

VIEIRA, José Luandino. A vida verdadeira de Domingos Xavier. São Paulo: Ática, [198?]. Escrito em 1961 e publicado pela primeira vez em 1971.

Publicado
2016-06-29
Como Citar
Lisboa, E. (2016). A vida verdadeira do Sambizanga em tempos de viragem. Revista Crioula, (17). https://doi.org/10.11606/issn.1981-7169.crioula.2016.108701
Seção
Dossiê: Modernidade e direitos humanos nas literaturas de língua oficial portuguesa