Aspectos das inter-relações entre colonialismo, violência e interesses econômicos, representadas em O esplendor de Portugal, de António Lobo Antunes

Autores

  • Fernanda Fátima da Fonseca Santos Universidade de São Paulo (USP)

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.1981-7169.crioula.2017.126057

Palavras-chave:

António Lobo Antunes, Colonialismo português, Literatura da guerra colonial, Literatura portuguesa contemporânea.

Resumo

Neste artigo, destacam-se alguns aspectos da visão crítica que se desenvolve no romance O esplendor de Portugal acerca do colonialismo português na África. Entre esses aspectos, priorizam-se aqui as inter-relações entre o desenvolvimento do sistema capitalista no mundo e o estabelecimento e manutenção das formas do colonialismo português em Angola, caracterizadas sobretudo pela violência. Além disso, apresentam-se algumas das maneiras como essas relações são construídas na narrativa.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fernanda Fátima da Fonseca Santos, Universidade de São Paulo (USP)

Mestre em Letras e doutoranda do Programa de Pós-graduação em Estudos Comparados de Literaturas de Língua Portuguesa da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo (FFLCH-USP).

Referências

ANTUNES, António Lobo. O esplendor de Portugal. Rio de Janeiro: Rocco, 1999.

COELHO, João Paulo Borges. Abrir a fábula. Questões da política do passado em Moçambique. Revista Crítica de Ciências Sociais, no 106, p. 153-166, 2015. Disponível em: http://rccs.revues.org/5926 . Acesso em: 25 nov. 2016.

Downloads

Publicado

2017-06-30

Como Citar

Fátima da Fonseca Santos, F. (2017). Aspectos das inter-relações entre colonialismo, violência e interesses econômicos, representadas em O esplendor de Portugal, de António Lobo Antunes. Revista Crioula, 1(19), 53-67. https://doi.org/10.11606/issn.1981-7169.crioula.2017.126057

Edição

Seção

Dossiê: Literatura, cinema, teatro e outras artes - perspectivas históricas (Artigos)