A identidade étnico-racial em Contos Negreiros (2005), de Marcelino Freire

  • Taysa Cristina da Silva Universidade Estadual de Londrina
Palavras-chave: Literatura afro-brasileira; Literatura Contemporânea; Identidade étnico-racial.

Resumo

O presente artigo, após considerar as constantes que aproximam e distanciam Marcelino Freire da literatura afro-brasileira, objetiva analisar tanto a obra Contos negreiros, de uma forma geral, quanto o conto “Solar dos príncipes”, de uma forma específica, observando os desdobramentos identitários do negro no contexto contemporâneo. Para tanto será utilizado como escopo teórico, dentre outros estudiosos, as reflexões de Bernd (1988), Duarte (2011), Mérian (2008) e Stuart Hall (2006).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ALVES, Castro. Os melhores poemas de Castro Alves. Seleção e apresentação Lêdo Ivo. São Paulo: Global, 1983.

BERND, Zilá. Introdução à literatura negra. São Paulo: Editora brasiliense: 1988.

COROEL, Luciana Paiva. Vozes dissonantes das quebradas nos Contos Negreiros, de Marcelino Freire. Brasiliana – Journal for Brazilian Studies. Vol. 3, n.1, p.161-183, jul. 2014.

DUARTE, Eduardo de Assis. Literatura e Consciência. In: DUARTE, Eduardo de Assis; FONSECA, Maria Nazareth Soares (org.). Literatura e afrodescendência no Brasil: antologia crítica. Vol. 4. Editora UFMG, 2011.

FREIRE, Marcelino. Angu de Sangue. Cotia, SP: Ateliê Editorial, 2000.

______. Contos Negreiros. Rio de Janeiro: Record, 2005.

GRAMSCI, Antonio. Cadernos do cárcere. Tradução de Carlos Nelson Coutinho, Luiz Sergio Henriques e Marco Aurélio Nogueira. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1999.

HALL, Stuart. A identidade cultural na pós-modernidade. 11.ed. Trad. Tomaz Tadeu da Silva e Guacira L. Louro. Rio de Janeiro, DP&A, 2006.

IANNI, Octávio. Literatura e consciência. In: DUARTE, Eduardo de Assis; FONSECA, Maria Nazareth Soares (org.). Literatura e afrodescendência no Brasil: antologia crítica. Vol. 4. Editora UFMG, 2011.

MÉRIAN, Jean-Yves. O negro na literatura brasileira versus uma literatura afro-brasileira: mito e literatura. Navegações. Vol. 1, n.1, p.50-60, março 2008.

PATROCÍNIO, Paulo Roberto Tonani do. Escritos à margem: a presença de autores de periferia na cena literária brasileira. Rio de Janeiro: Letras/Faperj, 2013.

SCHØLLHAMMER, Karl Erik. Ficção brasileira contemporânea. 2. ed. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2011.
Publicado
2019-07-31
Como Citar
da Silva, T. (2019). A identidade étnico-racial em Contos Negreiros (2005), de Marcelino Freire. Revista Crioula, 1(23), 37-53. https://doi.org/10.11606/issn.1981-7169.crioula.2019.156895
Seção
Dossiê 23: A experiência étnico-racial nas literaturas de língua portuguesa