Uma palestra motivacional: um olhar goffmaniano sobre uma forma de comunicação organizacional do capitalismo contemporâneo

Autores

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2238-2593.organicom.2023.212094

Palavras-chave:

Palestras, Motivação, Comunicação organizacional, Goffman

Resumo

Palestras motivacionais vêm se afirmando como uma das formas por excelência da comunicação organizacional, na medida em que parecem responder às lógicas contemporâneas de comprometimento e engajamento com os valores e as práticas das organizações. A partir de observação participante realizada entre 2018 e 2019, este texto delineia alguns dos principais aspectos desse tipo de comunicação, dirigindo ao objeto empírico um olhar inspirado nos trabalhos de Goffman, secundados por bibliografia referente às transformações contemporâneas do capitalismo. Três aspectos são observados: a adequação do formato às demandas do capitalismo informacional, a apresentação de si como fonte de validação da fala e como representação de valores a serem seguidos.

Downloads

Os dados de download ainda não estão disponíveis.

Biografia do Autor

  • Ana Paula Santos, Faculdade Cásper Líbero

    Formada em Jornalismo pela Faculdade Cásper Líbero. Mestre em Comunicação pela mesma faculdade.

  • Luís Mauro Sá Martino, Faculdade Cásper Líbero

    Jornalista e Professor na graduação e pós-graduação em Comunicação na Contemporaneidade da Faculdade Cásper Líbero. Doutor em Ciências Sociais pela PUC-SP. Foi pesquisador-bolsista na Universidade de East Anglia, Inglaterra. Autor dos livros "Teoria da Comunicação" (Vozes, 2009) e "Comunicação & Identidade" (Paulus, 2010), entre outros.

Referências

AGAR, Michael. Speaking of Ethnography. London: Sage, 1985.

ANTUNES, Ricardo (Org.) Infoproletários. São Paulo: Boitempo, 2009.

ANTUNES, Ricardo. O privilégio da servidão. São Paulo: Boitempo, 2018.

BELL, Daniel. The social framework of the information society. In: FORESTER, Tom (Ed.). The Microelectronics Revolution. Oxford: Blackwell, 1980. p. 500-549.

BIERSTEDT, Robert. The Social Order. New York: McGraw-Hill, 1970.

BOURDIEU, Pierre. Lições da aula. São Paulo: Ática, 1993.

BRAGA, Ruy. A vingança de Braverman. In: BRAGA, Ruy; ANTUNES, Ricardo. (Orgs.). Infoproletários: degradação real do trabalho virtual. São Paulo: Boitempo, 2009. p. 59-88.

CABANAS, Edgar; ILLOUZ, Eva. Happycracia. São Paulo: Ubu, 2022.

DYNEL, Marta. Revisiting Goffman’s postulates on participant statuses in verbal interaction. Language and linguistics compass, Londres, n. 5, v. 7, p. 454-465, 2011.

FERREIRA, Ângela Maria Rodrigues. Análise do impacto de palestras motivacionais no trabalho. 2011. Dissertação (Mestrado em Administração) – Fundação Pedro Leopoldo, Pedro Leopoldo, 2011.

FÍGARO, Roseli. Comunicação e trabalho: perspectivas teórico-metodológicas. Galáxia, São Paulo, v. 39, n. 1, p. 177-189, 2018.

FREITAS, Naéliton Souza. Implicações da prosódia no gênero palestra motivacional. 2020. Dissertação (Mestrado em Linguística) – Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2020.

GOFFMAN, Erving. Symbols of class status. The British Journal of Sociology, Londres, v. 2, n. 4, p. 294-304, 1951.

GOFFMAN, Erving. Strategic interaction. Philadelphia: University of Pennsylvania Press, 1970.

GOFFMAN, Erving. Forms of talk. Pennsylvania: University of Pennsylvania Press, 1981.

GOFFMAN, Erving. On Fieldwork. Journal of Contemporary Ethnography, Londres, v. 18, n. 2, p. 123-132, 1989.

GOFFMAN, Erving. Comportamento em lugares públicos. Petrópolis: Vozes, 2005.

GOFFMAN, Erving. Ritual de interação. Petrópolis: Vozes, 2011.

GOFFMAN, Erving. A representação do eu na vida cotidiana. Petrópolis: Vozes, 2016.

GORZ, Andre. O imaterial: conhecimento, valor e capital. São Paulo: Annablume, 2005.

HAN, Byung-Chul. A sociedade do cansaço. Petrópolis: Vozes, 2018.

HAN, Byung-Chul. Capitalismo e impulso de morte. Petrópolis: Vozes, 2021a.

HAN, Byung-Chul. A sociedade paliativa: a dor hoje. Petrópolis: Vozes, 2021b.

HARVEY, David. A companion to Marx’s Capital. London: Verso, 2010.

KEIL, Ivete. Do capitalismo industrial ao pós-industrial. Educação Unisinos, São Leopoldo, v. 11, n. 1, p. 15-21, 2007.

LIMA, Licínio. Aprender para ganhar, conhecer para competir: sobre a subordinação da educação na “sociedade do conhecimento”. São Paulo: Cortez, 2012.

LIMA, Jacob C.; OLIVEIRA, Daniela R. Trabalhadores digitais: as novas ocupações no trabalho informacional. Revista Sociedade e Estado, Brasília, v. 32, n. 1,p. 115-143, 2017.

LÜDKE, Menga; ANDRÉ, Marli. Pesquisa em educação: abordagens qualitativas. São Paulo: EPU, 1986.

MALDONADO, Asael; CONTRERAS, Laura. La interacción social en el pensamiento sociológico de Erving Goffman. Espacios Públicos, Toluca, v. 14, n. 31, p. 158-175.

MAREGA, Larissa Minuesa Pontes. A propósito da relação fala-escrita. 2009. Dissertação (Mestrado em Letras) – Universidade Estadual de Maringá, Maringá, 2009.

MARTINO, Luís Mauro Sá. 10 lições sobre Goffman. Petrópolis: Vozes, 2021.

MARTINO, Luís Mauro Sá. Sem tempo para nada. Petrópolis: Vozes, 2022.

MARTINO, Luís Mauro Sá; SANTOS, Ana Paula. Questões metodológicas da pesquisa de campo em comunicação organizacional. Comunicação, Mídia e Consumo, São Paulo, v. 17, n. 48, p. 61-83, 2020.

MARX, Karl. O capital, Vol. 1. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1998.

NUSSBAUM, Martha. Sem fins lucrativos. São Paulo: Martins Fontes, 2015.

RIBEIRO, Pedro Ivo Machado. A relação entre superação e motivação como estratégia do endomarketing. 2008. Monografia (Trabalho de Conclusão de Curso de Publicidade e Propaganda) – Centro Universitário de Brasília, Brasília, DF, 2008.

RODRIGUES, Rosana Ferrareto Lourenço. Palestras motivacionais para o segmento empresarial. 2008. Dissertação (Mestrado em Linguística) – Universidade de Franca, Franca, 2008.

TESSARINI JUNIOR, Geraldo; SALTORATO, Patrícia; ROSA, Kaio Lucas da Silva. A flexibilização do trabalho como regra no capitalismo. Cadernos Ebape, Rio de Janeiro, v. 21, n. 1, p. 2-13, 2023.

SILVA, Paloma Sabata Lopes. A linguagem da palestra: estratégias retóricas, linguísticas e pragmáticas. 2018. Tese (Doutorado em Letras) – Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2018.

VALENTE, Katia Martins. Narrativas de vida empreendedoras, comunicação e consumo. 2018. Tese (Doutorado em Comunicação) – Escola Superior de Propaganda e Marketing, São Paulo, 2018.

WINKIN, Yves; LEEDS-WURLITZ, Wendy. Erving Goffman: studies in media and communication. London: Peter Lang, 2013.

Downloads

Publicado

2023-12-29

Como Citar

SANTOS, Ana Paula; MARTINO, Luís Mauro Sá. Uma palestra motivacional: um olhar goffmaniano sobre uma forma de comunicação organizacional do capitalismo contemporâneo. Organicom, São Paulo, Brasil, v. 20, n. 43, p. 136–148, 2023. DOI: 10.11606/issn.2238-2593.organicom.2023.212094. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/organicom/article/view/212094.. Acesso em: 19 jul. 2024.