Aprendizagem baseada em equipes: da teoria à prática

  • Valdes Roberto Bollela Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto
  • Maria Helena Senger Pontificia Universidade Católica de São Paulo – Sorocaba (PUC-SP)
  • Francis Solange Vieira Tourinho Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)
  • Eliana Amaral Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP)
Palavras-chave: Aprendizagem Baseada em Equipes, Métodos Educacionais, Educação Médica, Educação nas Profissões da Saúde.

Resumo

Professores que desejam utilizar a aprendizagem baseada em equipes (ABE) do inglês team-based learning (TBL) precisam compreender os princípios fundamentais envolvidos na aplicação desta estratégia educacional e a seqüência de eventos necessária para sua implantação efetiva. O objetivo deste artigo é auxiliar o leitor na compreensão do potencial desta estratégia educacional, incluindo sua capacidade de promover a aprendizagem significativa. Existem quatro princípios fundamentais para o uso eficaz do TBL, que serão descritos, assim como o passo-a-passo para quem deseja organizar um curso inteiro ou algumas atividades (aulas), utilizando a aprendizagem baseada em equipes. Ao final, apresentamos os principais atrativos e os desafios para aqueles que desejam incorporar o TBL à sua prática de ensino/aprendizagem.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2014-11-03
Como Citar
Bollela, V., Senger, M. H., Tourinho, F. S., & Amaral, E. (2014). Aprendizagem baseada em equipes: da teoria à prática. Medicina (Ribeirao Preto. Online), 47(3), 293-300. https://doi.org/10.11606/issn.2176-7262.v47i3p293-300
Seção
Capítulos

Artigos mais lidos pelo mesmo (s) autor (es)